Porque Usar Microfone Condensador ValvuladoExiste uma pletora de microfones com diversas tecnologias, sendo um deles o microfone condensador valvulado, mas qual será a vantagem de um microfone desse tipo? E os transistores, porque alguns preferem as válvulas em detrimento dos transistores? Vamos mergulhar nesse mundo dos microfones valvulados e entender o porquê dessa preferência. Confira!

Muitos leitores estão perguntando qual seria a vantagem de se usar um microfone valvulado durante as gravações no Home Studio. Claro, todos nós queremos melhorar a nossa qualidade de gravação, extrair o melhor do nosso equipamento. Vamos então conhecer um pouco sobre os microfones valvulados e como eles podem ajudar.

O Microfone a Condensador

diafragma microfone abertoO microfone condensador possui dois pratos, um fixo e outro móvel, que são carregados por uma corrente elétrica polarizada que cria um capacitor. A vibração do prato altera a distância entre eles alterando a capacitância, o que permite converter as ondas sonoras em sinal elétrico. Nesse caso uma fonte de energia externa é requerida, então um circuito elétrico embutido é necessário para produzir a voltagem polarizada para os pratos.

Essa corrente elétrica necessária para fazer funcionar o capacitor é chamada atualmente de Phantom Power, muito comum nos mixers, tendo a voltagem fixada em 48 Volts. Não se preocupe se acidentalmente você plugar um microfone dinâmico nesse plug do phantom power, não vai queimar nada, esse circuito não existe na configuração do microfone dinâmico.

Válvula x Transistor

Antes dos anos 60 nós tínhamos apenas os microfones valvulados, esses possuíam um circuito para criar a capacitância dos pratos, além de contar com uma fonte de energia exclusiva ligada por outro cabo externo.

microfone condensador

 

 

"O condensador produz uma pequena variação na corrente elétrica, tão ínfima que é necessário uma espécie de circuito amplificador embutido, para só então esse sinal mais forte sair pelo cabo e ser amplificado no mixer."

 

  

Desse modo, nos anos 60, tínhamos uma válvula nesse circuito amplificador, essa se comportava distorcendo um pouco os 2º harmônicos, deixando o som mais quente, até mesmo com uma saturação mais macia.

A indústria da música foi o motor que impulsionou a criação de toda essa tecnologia de equipamentos para gravação no estúdio. No século passado tivemos muitos avanços, no que se refere a microfones para estúdio. Um desses avanços foi o uso do transistor no circuito do microfone a condensador.

O Transistor distorce os 3º harmônicos, deixando o som mais duro, com saturações extremamente ásperas.

Atualmente existem microfones com circuitos valvulados, com distorções quentes e clippings macios, isso agrada uma legião de produtores. Muito valorizados também são os cubos para guitarra valvulados, amados pelos mesmos motivos acima.

Simulando Válvulas Via Software Plugins

t racks cs painelExistem software plug-ins, como o T-RackS CS, que são capazes de simular válvulas, deixando o som mais quente, semelhante aos antigos gravadores valvulados. Você pode experimentar esses recursos e deixar a sua gravação digital um pouco mais agradável de ouvir.

Caso haja oportunidade, ter um microfone valvulado em seu arsenal pode ser uma ótima ideia

E você, já tem o seu microfone valvulado?

Abraço!

Uma dica extra do Rodrigo: Se você deseja aprender Como Montar o Seu Estúdio de Gravação Musical de Alta Qualidade, Sem Investir em Equipamentos Caros, recomendo que você confira esse vídeo agora mesmo...

QUERO VER O VÍDEO


Rodrigo Marques

Rodrigo Marques

O Home Studio Fans acredita que todos os talentos precisam ter a oportunidade de realizar seu sonho de gravar suas músicas, spots, tudo com alta qualidade. E acreditamos que o Home Studio seja a chave para libertar o poder de produzir música em casa, abrindo portas para empreendedores e artistas desenvolverem novas habilidades, espalhando o bem ao redor do mundo.