microfone condensadorTodos nós sabemos que os vinhos ficam muito melhores com o passar dos anos, mas e o que acontece com um microfone após 50 anos ou mais? É isso que nós vamos tentar descobrir agora!  Essa safra de microfones de 50 anos atrás tem um algo mais que pode ser interessante do ponto de vista criativo. Aplicar um pouco de nostalgia em suas gravações pode ser uma forma de diferenciar o seu som dos demais. Não vamos pensar em substituir os microfones modernos por antigos microfones valvulados, mas apenas usar essa tecnologia antiga em alguns momentos, para algumas finalidades.

Como está o som de um microfone condensador após 50 anos de idade?

Essa é a curiosidade de todos que pensam em um equipamento tão antigo, então devemos pensar em como, onde e o quanto esse microfone foi usado durante todos esses anos.

Você pode imaginar quanto tempo sobrevive um microfone que seja utilizado para capturar o bumbo da bateria. Sabemos que a pressão é muita e isso pode danificar o diafragma de qualquer microfone em pouquíssimo tempo.

Outro exemplo é o do microfone utilizado por um astro do rock, daqueles que grita e cospe no microfone o tempo todo. Esse tipo de uso também reduz a vida do microfone em muitos anos.

Em um microfone valvulado antigo, o caminho do sinal é muito direto. Entre as vibrações do ar e o conector de saída temos apenas seis componentes: grade, tubo de vácuo, cápsula, capacitor, transformador de saída e cabo. Há também um monte de resistores e capacitores, mas os dois componentes críticos a sua sonoridade são os tubos e cápsulas, e estão sujeitos aos fatores da idade e disponibilidade. Cada um desses componentes produz uma assinatura tão reconhecível que o grande desafio técnico é não danificar qualquer componente acima de tudo.

Se você tem um microfone desses nas mãos e suspeita que haja um problema e que seja o tubo (válvula), então esse componente é algo que você mesmo consegue trocar. Agora, se você já trocou e de nada adiantou, então é hora de pensar na situação da cápsula.

Todos os microfones de condensador, inevitavelmente, precisam de um ajuste, os problemas mais comuns são sensibilidade ao ar (umidade) e ruídos aleatórios. Quando estas duas questões estão relacionadas com a condição da cápsula, as três opções para o reparo / restauração vão exigir os conhecimentos de um especialista. A fim de, pelo menos mudar ou melhorar as condições do equipamento, as opções são: a limpeza, reskinning (substituição do diafragma) ou substituição da cápsula.

Uma limpeza geralmente revela alguns danos “escondidos”. Uma ruptura da malha de ouro pode não ter uma aparência muito boa, mas não é tão grave quanto a perda de ouro ou um furo pode ser. Em tais casos, o reskinning é a melhor forma de preservar suas características naturais. A magia desses microfones começa da forma como a placa de bronze foi perfurada, combinada com a espessura do espaçador entre o diafragma e a placa traseira. As variáveis incluem a espessura do diafragma e sua tensão. Esses ajustes podem devolver a vida ao seu microfone antigo, dando o brilho e a clareza que eles possuíam no passado.

Resumindo, um microfone pode sim durar vários anos, mas dependendo do seu tipo de uso e condições de estocagem. Alguns componentes podem se deteriorar, mesmo sem uso. Um bom exemplo são os microfones revestidos por capas de sopro, estas são produzidas de uma espuma que dura poucos anos até se transformar em pó.

Cuide bem dos seus microfones, eles podem fazer uma profunda diferença em seu som dentro de alguns anos.

Os microfones antigos tendem a perder a capacidade de capturar as frequências mais baixas, assim como as mais altas, se transformando em um microfone de sonoridade média. Além dos efeitos ruidosos que aparecem por defeitos em seus diafragmas.

Isso se aplica também a microfones do tipo dinâmico.

Podemos perceber uma redução gradual da capacidade de reprodução das frequências extremas também em monitores de áudio e headphones. Todos estão sujeitos à deterioração e a fadiga dos materiais.

Por esses e outros motivos é que prefiro confiar em equipamentos mais novos.

Abraço!

Uma dica extra do Rodrigo: Saiba como eu montei o meu estúdio de gravação musical e consegui gravar as minhas mais de 40 músicas, sem gastar fortunas com equipamentos e softwares caros.

Confira o vídeo exclusivo que eu preparei pra você!

QUERO VER O VÍDEO!


Rodrigo Marques

Rodrigo Marques

O Home Studio Fans acredita que todos os talentos precisam ter a oportunidade de realizar seu sonho de gravar suas músicas, spots, tudo com alta qualidade. E acreditamos que o Home Studio seja a chave para libertar o poder de produzir música em casa, abrindo portas para empreendedores e artistas desenvolverem novas habilidades, espalhando o bem ao redor do mundo.