Como Aprender a Tocar Violino Sozinho

tocar violino

Hoje eu vou convidar você a conhecer um instrumento de primeiro mundo, que pouca gente usa no Brasil, mas que está nos braços dos mais comprometidos com a boa música. Vamos mergulhar no violino e descobrir uma forma de dominar esse instrumento clássico. Vamos lá?

No último post, eu falei sobre como tocar bateria e até um ritmo interessante para se dedicar.

Agora, eu vou partir para outro instrumento musical, o violino, que não é muito popular no Brasil, mas que atrai uma enorme quantidade de pessoas que amam música e que estão envolvidas com ela de alguma forma, como é o caso do dono de um estúdio de gravação.

Aprender Violino Ajuda Como Produtor Musical

Quando estamos usando um teclado ligado a um software sampler é muito fácil pegar o som de um violino famoso e inserir esse timbre em qualquer gravação.stradivari vsti violino

Dá até pra simular a dinâmica do violinista através de um teclado controlador MIDI. Por outro lado…

…Não sei se isso é normal, mas quem mexe com música fica com vontade de tocar um montão de instrumentos, até porque quando você aprende sobre a teoria musical, fica fácil partir para o domínio de qualquer instrumento.

Imagine você gravando um violino para o seu arranjo musical… Não seria incrível?

Eu fiquei com muita vontade de aprender violino! Sim, o instrumento de verdade! Será que é difícil? Vamos descobrir agora!

Por Que Eu Deveria Aprender Violino?

mulher tocando violino outdoorPessoalmente, eu gosto muito de vencer desafios. Chutar a bola e correr atrás para fazer o gol. A maioria das pessoas escolhe um instrumento musical qualquer, como o violão, talvez essa seja a escolha mais comum no Brasil, eu também escolhi o violão em 1996, mas como eu disse, a teoria musical abre as portas para muito mais do que apenas violão ou piano.

O violino é esse instrumento cativante que pode proporcionar um desafio empolgante para quem escolher se dedicar a estudar seus segredos e surpresas.

O aprendizado de violino pode ser encaixado na rotina semanal, aplicando pelo menos 4 sessões de 30 minutos por semana (iniciantes) entre estudos e prática, tornando-se, como o tempo, em um hobby poderoso, uma atividade de desenvolvimento pessoal. Colocar metas pode ajudar a sentir como está o seu progresso. Esse jogo de manter-se aprendendo algo novo, realmente, pode manter alguém grudado no violino por tempo suficiente para dominá-lo.

O Violino é Considerado Difícil de Aprender?

O violino é um instrumento musical com características únicas, como: a forma específica na qual deve ser posicionado pelo músico, o arco que fere suas cordas, a total ausência de trastes no braço para marcar a altura das notas, etc.

partes do violinoComeçando pelo arco, que se parece com um arco de flecha, porém com seu fio mais próximo do arco, pode ser um grande desafio para o iniciante em violino.

Veja que existe uma resina (breu) aplicada sobre a crina tencionada pelo arco e qualquer variação na aplicação da resina, pressão atmosférica, temperatura ambiente ou na tensão desse fio, pode alterar a qualidade do timbre produzido pelas cordas do violino.

O tipo de resina precisa combinar com o tipo de cordas, o arco precisa ser pressionado na posição ideal e com a força adequada para que a mágica do agradável som do violino possa se manifestar. Se algo falhar, invés de som você terá apenas um ruído desagradável.

Com o violino, você precisa começar pelo posicionamento, porque você precisa ferir as cordas com o arco, ao passo que esse arco precisa se mover para cima e para baixo.

Normalmente os músicos colocam a queixeira do violino sob o maxilar, enquanto que o braço do instrumento se estende à disposição da mão esquerda que digita as notas no espelho.

Outro ponto difícil sobre os violinos é que, diferente de um violão ou guitarra, você não tem qualquer traste para marcar a altura das notas musicais no espelho do braço do instrumento.

Imagine que você pode sentar-se em frente a um piano e tocar qualquer nota, tom ou semitom, com uma precisão absoluta. Basta digitar a tecla do piano e você já está tocando a nota correta de qualquer maneira.

violino foto closeupNo violino é muito fácil errar a altura da nota e tirar um tom sustenido ou bemol ou algo menos afinado que isso. Assim você precisa “aterrissar” o seu dedo dentro da faixa em que estaria posicionado o traste a fim de conseguir um tom decente.

A afinação do violino pode variar entre clássica e popular, sendo a clássica a mais difícil de memorizar. Não há qualquer espaço para variações quando se está tocando violino clássico, diferente de outros estilos populares como o bluegrass.

A ideia é criar uma memória motora capaz de identificar as alturas das notas no espelho do violino, fazendo assim uma escala com notas precisas. Você só consegue isso depois de muitas horas de prática.

Algumas pessoas até colocam trastes no espelho do violino, removendo a maior parte das notas ruins, o que pode ser útil para o modo clássico, mas que impede efeitos como o slide, tão importante para o bluegrass e o country. Não acho justo com o violino remover as particularidades que fazem dele um instrumento tão diferente dos outros. mulher tocando violino mato

Como você já pode perceber, tocar violino envolve uma profunda habilidade inconsciente, adquirida com horas de estudos e prática. Você precisa ser bom ao aplicar o breu correto no arco do violino, depois precisa ter uma afinação no mínimo popular e habilidade motora para integrar o movimento do arco, com a fricção sobre as cordas a fim de produzir um timbre preciso, sem notas soltas.

O iniciante em violino precisa usar um bom método, um plano de estudo, além de medir seu progresso ao longo do tempo. Na maior parte do processo o iniciante só conseguirá produzir barulho com seu violino, o que pode afugentar a maioria dos “curiosos” pelo instrumento.

Com bastante dedicação, seu violino começará a produzir notas coerentes, nem que por alguns segundos, em meio ao caos. Então, um belo dia, você estará produzindo mais notas boas do que ruins, até que você se torna em um violinista habilidoso.

Posso Aprender Violino Sozinho?

maestro regendo violinosNa maioria dos casos, encontrar um bom professor de violino pode ser quase como encontrar um bilionário. Você sabe que eles existem, mas você não encontra eles “dando sopa” por aí. Se você tem a oportunidade de estudar violino com músicos clássicos, maestros ou participa de uma orquestra, provavelmente terá um ambiente muito favorável ao seu aprendizado de violino.

Em todo caso, sabemos que o universo, na maioria das vezes, não está tão favorável assim, então precisamos colocar um pouco de esforço e completar o que nos falta com criatividade. Eu estive pesquisando sobre a possibilidade de aprender violino sozinho e posso dizer que não é possível “aprender” algo “sozinho”.

Você precisa estar “acompanhado” pelo menos de um método, um livro, um curso em vídeo aulas, qualquer material que possa transferir a você toda a teoria necessária e que possa indicar o caminho para a prática diária. Enfim, você pode se auto ensinar qualquer coisa, mas precisa da informação correta para conseguir fazer isso “sozinho”.

Pais Asiáticos Fazem Seus Filhos Aprenderem Violino Sem Motivo Aparente?

menina vestida de branco tocando violino pastoTem motivo sim! Os pais asiáticos, principalmente os que migram para a América, acreditam que todo(a) garoto(a) precisa saber tocar um instrumento musical, ser bom um algum esporte e tirar boas notas.

Os asiáticos se preocupam muito com o futuro de seus filhos e buscam empurrá-los para atividades que possam fazer com que eles se destaquem dos demais na sociedade. Não apenas o violino, mas também o piano é muito popular entre os garotos asiáticos, que começam a estudar música a partir dos 10 anos de idade.

Violino é Mais Difícil de Aprender Que Piano?

homem tocando violino pianoDepende de quão comprometido você está em aprender violino. Mas há um senso comum entre os violinistas de que o violino é muitas vezes mais difícil de aprender do que o piano.

Como eu disse antes, o violinista iniciante tem muita dificuldade ao posicionar o arco e aplicar a pressão correta sobre as cordas, isso pode levar a um som parecido com o de um sapo coaxando, enquanto que em alguns casos, o som pode soar com unhas arranhando um quadro-negro.

Então, na maior parte do tempo o som do iniciante em violino é péssimo e desagradável.

Leva algum tempo até que comece a sair um som decente. Depois desse ponto, onde o iniciante começa a tocar alguma coisa, tudo começa a fazer sentido e o prazer de tocar violino supera todas as dificuldades pelo caminho.

O piano é mais fácil, porque o iniciante consegue soar bem em pouco tempo, mesmo os mais preguiçosos conseguem tocar de forma aceitável.

Existem aqueles iniciantes em violino que tem alguma facilidade musical e pegam as coisas muito rápido. Somando isso a uma boa dose de dedicação e trabalho duro é possível alcançar níveis de habilidade, cada vez mais altos, em menos tempo.

Albert Einstein Sabia Tocar Violino?

Sim! Einstein tocava piano e violino. O famoso físico considerava o violino como algo muito importante para a formação de sua personalidade.

Einstein tocando violinoEm uma carta para Philipp Frank, em 1940, Einstein escreveu:

“Eu tive aulas de violino dos 6 aos 14 anos, mas não tive sorte com meus professores, para os quais a música não transcendia a prática mecânica. Eu realmente comecei a aprender apenas quando eu estava com 13 anos de idade, principalmente após ter me apaixonado pelas sonatas de Mozart.”

Einstein chegou a comentar que se não fosse um físico, seria um músico. Apesar de não ter contribuído em nada para a música, pensava sua vida em termos musicais e que tinha um enorme prazer ao tocar seu violino. Incrível, não?

Onde Eu Posso Aprender Violino Online?

O melhor de tudo é que dá pra aprender a tocar violino pela internet. O Spalla Di Base é um curso de violino para iniciantes que possibilita o aprendizado deste instrumento estudando em casa a um preço acessível e ainda aprender de forma correta a tocar com qualidade.

O curso de violino Spalla possui um método passo a passo para você iniciar ou aperfeiçoar seus estudos de violino de forma fácil e didática.

curso di baseO mais legal é que você como aluno pode aprender violino com aulas em vídeo e dezenas de exercícios práticos, tudo online.

O que eu achei mais importante para nós que estamos começando é que, para fazer esse curso, não é necessário nenhum conhecimento anterior. Recomendado para alunos iniciantes ou partindo do zero.

  • História do violino;
  • Como tocar corretamente;
  • Leitura de partituras;
  • Habilidades: divisão de arco, produção de som, vibrato, mudanças de posição;

Esse curso de violino leva o aluno até o nível intermediário, onde estaremos prontos para tocar qualquer estilo musical com qualquer partitura.

Eu acho esse tipo de iniciativa incrível, porque traz o violino para a nossa cultura, com um método comprovado e que funciona. Gostei muito da ideia.

Clique aqui para conhecer o Curso de Violino Spalla Di Base

Vou deixar um vídeo que me inspira a aprender violino, esse aqui da Patrícia Cordero tocando a Four Seasons do Vivaldi. Essa menina é Brasileira, com um nível internacional. O Ramón também é um pianista notável… Que inteligência e dedicação notável a desses dois… Palmas para ambos! Clap, clap, clap…

Uma dica extra do Rodrigo: Saiba como eu montei o meu estúdio de gravação musical e consegui gravar as minhas mais de 40 músicas sem gastar fortunas com equipamentos e softwares caros.

Confira o vídeo exclusivo que eu preparei pra você!

QUERO VER O VÍDEO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.