atualizar windows_8

Recentemente instalamos o Windows 8 nos computadores do nosso Home Studio para testar se vale mesmo a pena o investimento, uma vez que o Windows 7 funciona muito bem para gravação de áudio. Vejamos qual foi o resultado. Continua...

Agora, se você deseja aprender mais a fundo sobre esse assunto, recomendo que você confira esse link...

No Tempo do Windows 95

Em 1997, quando comecei a fazer minhas primeiras gravações em computador, trabalhávamos com um hardware muito limitado. Os smartphones de hoje são dez vezes mais rápidos que os computadores da época. Mesmo assim, o Windows 95 rodava o Sound Forge 4 com alguma demora ao aplicar os efeitos, voltar atrás em alguma ação, coisas desse tipo. Trabalhar com mixagem em mesa virtual no Samplitude, praticamente em modo off-line. Cheguei a usar o Adobe Premiere (direcionado para vídeos) como forma de mixar as pistas em uma matriz de som estéreo. Com o tempo o hardware foi evoluindo, fui jogando meus computadores antigos no depósito (viraram relíquias) e o que veio depois era muito mais poderoso e mais perto da perfeição que tanto sonhávamos.

O Windows 7 é Perfeito

O Windows XP foi um avanço tremendo para a Microsoft, eles conseguiram manter o mercado de SOs com folga até o desesperado lançamento do Windows Vista. O Vista foi lançado as cegas e quase arranhou a reputação da maior fabricante de softwares do mundo. Então veio o Windows 7, um SO tão bom que os entusiastas do Linux criaram um site chamado "os pecados do Windows 7", dizendo que aquele sistema estaria impedindo o Linux de finalmente se tornar popular.

E o Windows 8?

O Windows 8 parece mais uma versão do Windows 7 "capada", sem transparência real nas janelas, com uma nova abordagem de interface com o usuário, e algumas modificações que limitam hardwares antigos. A MS que me perdoe, mas fizeram o SO que obriga o usuário a comprar uma placa de vídeo nova, uma interface de áudio atualizada, até mesmo trocar a máquina inteira. Imagine que em netbooks alguns recursos como os apps do Metro não funcionam por não serem compatíveis com a resolução da tela? Temos que jogar a tela fora? Como existe o caso da obsolescência programada, o Windows 8 veio para passar o chapéu mais uma vez.

Windows e Semelhança Gráfica com o Windows 3.11

Se você usa computador desde 1993, vai se lembrar do Windows 3.11, que não possuía botão iniciar, e apresentava algumas janelas em azul e branco chapado. Se você teve contato com esse sistema antigo, vai perceber semelhanças visuais incríveis com ele. Parece que a MS se plagiou.

Vamos Instalar o Windows 8 no Home Studio?

Se você está comprando um computador novo, obviamente que o melhor a fazer é usar o Windows 8, porque o hardware do sistema foi projetado para ele. Nada melhor que usar um terno feito sob medida, não é mesmo?

Se você usa um computador fabricado a partir de 2010, o Windows 7 vai estar lá por definição e não precisa mesmo ser removido. Todo o seu hardware está rodando perfeitamente, é um sistema confiável, não há motivos para trocar nada.

Meus Softwares de Áudio vão Funcionar no Windows 8?

Testamos o trio que usamos aqui no Home Studio: Sound Forge, Sonar e Samplitude. Tudo rodou perfeitamente no Windows 8, com exceção do Sound Forge Pro que pediu para ser reinstalado. Nossa placa de som nativa não ficou plenamente compatível com o Windows 8, nem mesmo encontramos atualizações de drivers para esses periféricos.

Finalmente, se você tem um sistema campeão e pensa apenas em produtividade (não se importa com redes sociais embutidas no SO), não vale a pena atualizar para o Win 8. Caso você queira mudar, considere comprar outro computador e quem sabe, outra interface modelo 2013. A indústria funciona desse modo, não podemos frear a evolução. Ou você queria estar mixando no Windows 95 até hoje?

Boas gravações!

Uma dica extra do Rodrigo: Se você deseja aprender como montar o seu estúdio de gravação musical, de alta qualidade, sem investir em equipamentos caros, recomendo que confira esse link agora mesmo.